Augusto Neves de Sousa – Cidadão Nobre

Descubra os motivos que levaram a Nobre Casa de Cidadania a atribuir o título Cidadão Nobre a este cidadão.

Augusto Neves de Sousa

“Por ajudar diariamente cidadãos com deficiência e crianças e jovens em risco na Associação Rumo e na Nós – Associação de Pais e Técnicos para Integração do Deficiente, no Barreiro, facilitando o acesso de pessoas com deficiência ao mercado de trabalho. Um Acto Nobre que pratica diariamente desde 1978 e que inspira os seus pares, pela extrema dedicação, perseverança e disponibilidade.”

Augusto Neves de Sousa, Domingos Silva, Maria do Céu da Conceição, Maria Gabriel Sousa e Hélder José Pereira esta semana foram homenageados pela Comissão de Honra da Nobre Casa de Cidadania, por actos reconhecidos de “excepcional nobreza em benefícios de terceiros e sem qualquer interesse pessoal”.

A cerimónia realizou-se no Pavilhão das Galeotas, em Lisboa, e reuniu cerca de 70 pessoas – incluindo outros cidadãos agraciados e respectivas famílias. “Ajudar cidadãos com deficiência e jovens em risco, fundar uma instituição, dedicar a própria vida em prol dos outros, transformar sofrimento em sorrisos e entrar numa casa em chamas foram os Actos Nobres que se evidenciaram e que revelam valores de integridade, honra e humanidade”, explicou a organização em comunicado.

Os Actos dos cidadãos homenageados com o Título Cidadão Nobre são “exemplo de uma sociedade humana, e inspiradora, da qual fazem parte cidadãos exemplares que, sem hesitar, fizeram a diferença ao encher de esperança a vida” de quem se cruzou no seu caminho.

Fonte: Green Savers